positiva-durante-a-pandemia-blogdasims
Desenvolvimento pessoal

6 maneiras de te manteres positiva durante a pandemia

Manter positiva durante a pandemia não é tarefa fácil. Porque os gatilhos do stress e ansiedade estão por todo lado. Tudo o que precisamos fazer é sentar e ver as notícias por 30 segundos, é o suficiente para deixar a nossa mente perturbada. Ou fazer uma ronda pelas redes sociais, onde somos bombardeados com várias teorias e textos descabidos que nos deixam mais para baixo ainda.

Por isso, se desejar manter-te positiva durante a pandemia, a boa notícia é que tu tens o poder de cuidar da tua saude mental. Tudo o que podes fazer estão nas tuas mãos. Tens o poder de escolha e decisão. A questão é, vais entrar no modo vitima ou dar a volta por cima e transformar esses desafios em oportunidades? Lembra-te, a escolha será sempre tua. Para ajudar, trago 6 maneiras de apoiares a tua saúde mental durante a pandemia.

6 maneiras de te manteres positiva durante a pandemia

Cuida do teu estado emocional

Provavelmente, desenvolveste alguns hábitos que não te esta a ajudar a manter positiva. Como por exemplo, passar horas nas redes sociais assim que levantas da cama; ou passar o dia todo de pijama. Ou seja, descoraste da tua rotina matinal. Portanto, em vez de acordar e pegar logo no telemóvel para entrar nas redes sociais, tira 5 minutos para meditar.

Ou começar o teu dia a ler frases ou textos positivos. Ou escrever no teu diário de gratidão. Estudos mostram que o escrever num diário é também extremamente útil para o nosso estado mental. Portanto, são essas pequenas coisas que vai fazer com que o teu dia corra melhor. E que tu te sintas mais motivada e positiva para iniciar o dia. Então vamos enfrentá-lo de cabeça erguida, eu sei que não estávamos preparados e nem imaginava-mos que isso nos iria acontecer.

Então, se estas a sentir ansiosa e stressada, acredita que não estas sozinha. Mas o que importa é o que vamos fazer para que isso não nos afete mentalmente. Escreve o que te esta a passar pela cabeça, que vai te ajudar a controlar os teus pensamentos em vez deles te controlarem a ti. O nosso bem-estar emocional é uma parte muito importante da nossa saúde mental.

Cuida do teu corpo

O nosso corpo e a nossa mente estão ligados. Portanto, se queres sentir melhor emocionalmente, precisas também de sentir melhor fisicamente. Assim, o teu bem-estar mental beneficia de práticas de bem-estar físico. E contrário também se aplica. Porque se queremos sentir bem fisicamente também temos de estar melhor mentalmente. A conexão com o nosso corpo-mente é um ciclo de feedback, e as suas ações determinam se estas a trabalhar a teu favor ou contra ti mesma.

Portanto, começa para transpirar. Sabes porquê? Porque o exercício é uma das melhoras maneiras de fazer com que as endorfinas do bem-estar flutuam. Como um bónus adicional, fazer exercícios físicos logo pela manhã está cientificamente provado que ajuda-nos na tomada de decisões ao longo do dia. Além disso, é preciso estarmos atentos aos nosso hábitos alimentares. A conexão que a comida tem com o nosso humor é verdadeira. Aquilo que comemos tem impacto direto em como nos vamos sentir. Por isso, é preferível colocar alimentos que nos enchem de alegria e força.

Tira um tempo para te conectares com as pessoas

Nós, seres humanos, fomos feitos para estarmos em conexões com outras pessoas. Mas, uma vez que atualmente não somos capazes de socializarmos ao vivo, isso está a nos forçar a sermos um bocadinhos mais criativos. Felizmente, existem muitas opções virtuais disponíveis.

Opções essas que nos ajudam a estarmos conectados com os nossos familiares, amigos e com o mundo. Então aproveita e marcar um jantar, um copo, uma conversa online. Ou assistir o mesmo filme ou série ao mesmo tempo online, também. Existem muitas coisas que se pode fazer via internet, use a abuse da tua criatividade.

Entra em contato com as pessoas que são importantes para ti, familiares, amigos. Todos nós podemos dar um bocadinho de amor e apoio, nem que seja virtualmente. Isso irá beneficiar-te a ti e a outra pessoa que está do outro lado. Assim ninguém se vai sentir sozinho. Ao partilhar a tua dor estarás a ajudar a outra pessoa também. Vamos todos ficar ligados no amor!

Limita o teu tempo nas redes sociais

Eu sei que estou sempre a bater na mesma tecla, mas as noticias podem ser intensas e stressantes, ás vezes. Embora, sei que é importante estarmos informados, mas também precisamos de limitar essas noticias. Por isso é importante estar atento com que frequências estas a ver essas notícias durante o dia. Está comprovado que notícias negativas geram sentimentos de tristeza e ansiedade em nós.

“Essa mudança de humor agrava as preocupações pessoais do espectador, mesmo quando essas preocupações não são diretamente relevantes para as notícias que estão a ser transmitidas.” Explica Graham Davey, professor de psicologia da Sussex University e edito-chefe do Journal of Experimental Psychopathology.

Pode parecer simples, mas ma das maneiras mais fáceis de nos mantermos positivos e nutrir a nossa saúde mental durante a pandemia é estarmos vigilantes dos nossos hábitos. E um deles, são o consumo excessivo das redes sociais.

Cria uma rotina que funciona para ti

Eu sei que também estou sempre a falar de rotina. Mas, acredita que não ter uma rotina deixa-nos muito mais stressados. Porque estruturar o nosso dia é uma maneira rápida e fácil de aliviar a nossa ansiedade. Nestes tempos sem precedentes, permite a ti mesma uma liberdade sem precedentes.

Se isso significa entregar-te a uma rotina matinal extra longa para te sentires melhor, então faça-a! Se isso significa fazer uma pausa ao meio-dia para movimentares o corpo ou ligar a alguém, faz isso! Inclua essas coisas na tua rotina para fortalecer o teu dia.

Pratica a compaixão

Eu acredito, que agora, mais do que nunca, precisamos de ser bondosos connosco mesmo. Se precisas de afastar do trabalho para redefinir a tua mentes, não te sintas culpada por isso. É importante perceber que é necessário para a nossa produtividade, principalmente a trabalhar de casa.

Da mesma maneira, se sentires a necessidade de falar sobre o que estas a sentir com outra pessoa, não hesita em fazer isso com alguém que confias. Ou com um profissional de saúde através da linhas Saúde24. Seja o que for que estas a sentir ou a passar de momento, é importante permitires a ti mesma processar e trabalhar com isso.

Honra o teu corpo

Tens de aprender a honrar o teu corpo e o teu tempo. Se estas a sentir cansada, isso é normal, dada a coação emocional que a quarentena pode causar. Tira um tempo para descansar e se for preciso feche os olhos por uns minutos. Ser compassivo e honesta contigo mesma e com tudo o que precisas nutre a tua saúde mental.

Ou se estás a sentir ansiosa ou com energias extras, canaliza ela para um treino doméstico ou para arrumar a tua casa. Porque manter a nossa casa limpa ajuda a manter a nossa cabeça mais organizada.

Conclusão

Independentemente de a pandemia e a quarentena ter tido um impacto forte em ti, na tua família, empresa ou todos os itens acima, é importante dedicar um tempo para encontrar formas de manter positiva e cuidar da tua saúde mental. À medida que continuamos a enfrentar desafios inesperados, é um verdadeiro teste de nossa força e resiliência. Vais deixar o stress assumir o controle e entrar em pânico? Ou vais transformar esses desafios em oportunidades?

Então, usa essas dicas para te manteres positiva, fundamentada e calma. Essas etapas simples podem melhorar drasticamente o teu bem-estar mental. Porque acredito que são passos fundamentais para te ajudar a manteres positiva durante a pandemia. Usa e adapta a ti, ao teu jeito. O importante é não deixar ir abaixo e manter-te positiva durante a pandemia.

Beijinhos de luz

Tem alguma duvida? Quer partilhar a sua experiência? Deixe o seu comentário ou enviei a sua mensagem através da página contato (aqui). E partilhe!

Apaixonada pela vida, pelo meu marido, meu cão, família e amigos. Criei o Blog da Sims porque senti que era uma forma de partilhar um pouco de mim, dos meus interesses e da minha forma de estar na vida. Um blog de partilha do meu eu.

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: