Atitudes que podem transformar a tua vida

Olá pessoal. 8 atitudes que podem transformar a tua vida. Ou seja algumas atitudes que podemos incluir no nosso dia-a-dia para que possamos evoluir e transformar a nossa vida. Hábitos positivos que me tem ajudado imenso.

Às vezes culpamos o mundo, universo ou os outros pelos nossos fracassos. E com isso esquecemos que em muitos momentos nós somos os únicos responsáveis pela nossa vida e pela mudança que queremos trazer para ela.

Desde a minha mudança para Portugal, tenho aprendido muito sobre mim, sobre os outros e principalmente sobre a vida que quero ter. Em primeiro lugar para que isso acontecesse, foram precisas muitas mudanças e com elas novos hábitos. Ou seja, tive que sair da minha zona de conforto e abrir-me para essa mudança.

Por isso, hoje, quero partilhar com vocês algumas atitudes que me tem ajudado nesse processo de mudança. São algumas atitudes positivas que te vai ajudar a ter uma vida mais positiva e a transformar a tua vida.

8 atitudes para transformar a tua vida

transformar-a-tua-vida-blog-da-sims

Seja mais consciente

Quantas vezes paraste para refletir sobre a sua vida e as suas atitudes? Ou, quantas vezes questionou um comportamento teu que não gosta e deseja mudar ou que simplesmente não te faz bem?

Ser consciente é o principal passo para a mudança. Aprender sobre ti, entender o que te faz bem e o que te faz mal e poder compreender o motivo do teu comportamento é muito importante. Porque ter essa consciência o vai ajudar a expandir seus horizontes e permitir ser uma pessoa mais feliz e ter uma vida plena.

Hoje consigo estar mais consciente dos meus atos, das minhas atitudes comigo e com os outros. E com isso poder perceber se algo é bom ou mau, e caso for mau vejo a atitude correta para agir.

Cultive hábitos mais saudáveis

Cultivar hábitos saudáveis nem sempre é fácil, principalmente quando já vimos com um passado nada saudável. Isto porque durante anos comemos tudo e mais alguma coisa e não demos ouvidos ao nosso corpo.

Não existe maior cuidado como cuidar do nosso corpo. Dando-lhe comidas saudáveis, fazer exercícios e nos cuidar-mos. Implementando hábitos saudáveis. Hoje posso dizer que a minha rotina diária faz parte dos meus hábitos saudáveis, porque cuido do meu interior todos os dias.

E cultivar hábitos saudáveis torna-te muito mais produtiva. No início vai custar, mas garanto-te que vai valer a pena.

Aprenda com os seus erros

Em primeiro lugar, todos nós temos a nos crucificar cada vez que erramos, não é verdade? Por isso choramos, gritamos e nos martirizamos por cada erro. Mas precisamos de olhar para erros e problemas com outros olhos, ou seja, precisamos usá-los como fonte de aprendizagem. Porque não é falha. Mas sim pura aprendizagem, uma daquelas lições que dificilmente vais esquecer.

Por isso, não sejas tão negativa e aprenda com tudo, com os acertos e erros. Não seja tão dura contigo, porque isto vai tornar a tua vida muito mais leve.

Pare de adiar os seus sonhos e não desista

Há quanto tempo tens colocados a mesma meta nas suas resoluções de final do ano? Então agora é o momento e fazer acontecer. Por que não começas agora? Já diz o ditado “não deixes para amanhã o que podes fazer hoje.”

Por isso, não deixes para segunda-feira, nem para o próximo mês ou próximo ano. Apena faça e dê o primeiro passo. Podem ser pequenos passos, mas o importante é começar. E acreditas que não vais arrepender, antes pelo contrario vais agradecer por isso. Não inventes mais desculpas, não te iludas e não esperes o “momento certo”.

Criar um blog era algo que já tinha pensado, mas só que achava que ainda não era o momento certo. Ou que tinha que ter tudo pronto de depois começar. Até ao dia que resolvi começar, e aos poucos fui mudando, Quer dizer até hoje estou sempre a mudar e a aprender. Confesso que estou muito grata por ter dado o primeiro passo, e aos poucos vou vendo meu sonho como sempre desejei.

“Quem quer faz, quem não quer arranja uma desculpa.” – ditado popular

Não force nada

Uma das coisas que tenho aprendido é que devemos correr atrás dos nossos sonhos. Mas também que não devemos forçar nada. Em alguns momentos, por querer tanto alguma coisa, fiz mais do que devia e forcei muito. E claro que devemos esforçar, mas hoje apercebo-me que houve momentos em que forcei por demais. Fiz mais do que esforçar, tentei apressar as coisas e fazer com que o mundo saísse fora do seu curso para satisfazer a minha vontade.

E o que aprendi com isso? Que sim devemos nos esforçar, plantar o que for necessário, cultivar o que tiver de cultivar, porém não forçar nada. Porque o forçar não vai fazer aquilo que queremos acontecer só porque estamos a forçar. Por isso cada vez que se apercebe que está a forçar demais e que está a desviar do seu caminho natural, pare e volte.

Dê tempo ao tempo e permita que tudo que plantaste cresça de forma natural e venha até ti.

Ouvir é importante

O ouvir e prestar atenção é muito importante. E hoje é dia isso tem sido cada vez mais raro de encontrar. Isto porque muita das vezes estamos a ouvir uma pessoa a falar e nem sempre estamos a prestar atenção no que estas a ouvir.

Isto porque estamos mais focados em nós mesmos e nas nossas respostas em vez no que a outra pessoa está a dizer. E esse é um dos motivos de estarmos a distanciar uns dos outros. Não só por causa da tecnologia mas também o egocentrismo.

Uma das coisas que tenho vindo a aprender é ouvir, isso engloba estar atento ao que a outra pessoa está a falar. Não deixar a minha mente vaguear, não pensar no que tenho para fazer ou adiantar-me em dar uma resposta.

Mas sim estar ali, estar presente e ouvir com atenção. E acreditem que não existe coisa melhor do que estas a conversar com alguém e ter a certeza que essas pessoa te esta a ouvir, de verdade. Isso requer trabalho e foco, porque precisas de focar no aqui e agora. Tenho trabalhado para isso até chegar o dia de conseguir estar sempre 100%.

Amar e perdoar

Uma das coisas que o blog trouxe-me foi o hábito da leitura. Livros esses sobre desenvolvimento pessoal. Nessas leituras tenho aprendido muito sobre o ato de amar-mos e sobre a perdão. Amar-me mais e aos outros. Perdoar-me e aos outros.

Porque ao amar-mos como somos e nos perdoar pelos nosso erros a nossa vida fica mais leve. Confesso que sempre fui de guardar rancor. Eu sei que é triste, mas é verdade. E o que isso me trouxe? Nada. Porque é uma atitude ridícula e mesquinha, e que não posso deixar afetar tanto pelo outro e que deva amar a todos.

E isso não me faz parecer uma idiota, mas sim faz de mim uma boa pessoa. Portanto, ame e perdoe, seja bom e espalhe o bem onde quer que vá. Compreende que nem todos estão no mesmo momento de vida que tu. Que as pessoas têm seus próprios motivos para agirem daquela maneira e que isso não é culpa tua. Por isso, está tudo bem.

As pessoas agem dessa maneira porque julgam estar a fazer o melhor para eles e por isso esquecem os outros. E muitas das vezes tendem a nos culpar pelas suas frustrações. Por isso o perdão é a melhor forma de lidar com essas pessoas. Não deixe o que ódio deles te afetem se seja superior a isso.

Amar e perdoar é sempre o melhor caminho!

Tempo para ti

O cuidar-mos não é sermos egoísta. Por isso cuida de ti, permita-se ter um tempo só pra ti. Dê espaço para a sua cabeça e deixe a sua mente descansar. Muitas das vezes sentimos tão atordoados e cheios de coisas para fazer e criar um espaço na nossa agenda para nós mesmos é essencial.

Por isso, pare, ouve uma música, vê um filme ou uma série. Medite. Tire um tempo para fazer algo que aprecias e seja bom contigo mesma. Isto faz parte daquele processo de amar e cuidar de ti. Deixe que, pelo menos em algum momento do teu dia, sejas a tua prioridade.

E com isso, tenho a certeza que a tua vida será mais leve.

Esses são as 8 atitudes para transformar a tua vida. Atitudes positivas que te vai ajudar na sua jornada. Cultivar atitudes positivas é um ato de amor-próprio. Portanto cultive atitudes e hábitos positivos que vão te ajudar a transformar a tua vida. Cuide de ti!

“Se deseja realmente saber até que ponto é obstinado, aborde apenas a ideia de estar disposto a mudar. Todos queremos que as nossas vidas mudem, que tudo se torne melhor e mais fácil, mas nós não queremos ter de mudar. Preferíamos que eles mudassem. Mas para que isso aconteça, temos de mudar no nosso interior. Temos de alterar a nossa forma de pensar, a nossa forma de falar, a nossa forma de nos exprimirmos. Só então ocorrerão as alterações exteriores.” – Louise Hay (do livro “Pode curar a sua vida)

Beijinhos de luz

Tem alguma duvida? Quer partilhar a sua experiência? Deixe o seu comentário ou enviei a sua mensagem através da página contato (aqui). E partilhe!

Deixar uma resposta

Proudly powered by WordPress | Theme: Baskerville 2 by Anders Noren.

Up ↑

%d bloggers like this: