Desapego: deixar ir aquilo que não nos faz bem

Olá pessoal. Hoje quero falar um pouco de desapego, deixar ir aquilo que não nos faz bem.

Em primeiro lugar, praticar o desapego não significa abrir mão de tudo o que é importante para nós, rompendo vínculos afetivos ou relacionamentos pessoais com aqueles que fazem parte do nosso quotidiano, mas sim viver mais honestamente, de acordo com as suas necessidades, ou seja, libertação emocional. É crescer, progredir, sem prejudicar ninguém.

Existem várias situações que nos acontecem, e que nos fazem ficar presos ao passado. Acabamos por não entender a verdadeira importância de uma das atitudes mindfulness ,que é o deixar ir aquilo que não nos faz bem. É preciso perceber que nem sempre temos o controlo de tudo, porque a nossa vida é cíclica. Isto é, só conseguimos controlar o resultado das nossas escolhas e acções e não das outras pessoas. Não conseguimos controlar as acções e atitudes dos outros. E isso acaba por dificultar o desapego.

deixe-ir-blog-da-sims

É preciso aceitar que, para ser feliz, as coisas duram e acontecem pelo tempo que for necessário. As pessoas afastam-se e não vale a pena questionar-se ou lamentar a razão disso ter acontecido. E o mesmo podemos dizer de coisas e situações. As coisas acontecem por um motivo, mesmo que ainda não saiba o motivo, em breve vai acabar por acontecer, ou seja, vais acabar por perceber o porquê. O importante é aceitar as coisas como elas são. A vida tem um ciclo que nem sempre participamos.

Se quer viver uma vida feliz, amarre-se a uma meta, não às pessoas nem às coisas. – Albert Einstein

Assim sendo é preciso aceitar que várias coisas terminam, várias iniciam e é nisso que te deves concentrar. Não só aceitar o ciclo, bem como as coisas como elas são, e procurar os motivos benéficos das mudanças. Aceitar os acontecimentos da sua vida é o primeiro passo para a felicidade. É preciso aprender com eles e seguir em frente. Enquanto estivermos agarrados às coisas que não nos pertencem, acabamos estagnados. Por isso, liberte-se e liberte os seus sentimentos e pensamentos. Portanto, deixe ir o que tiver de ser, e o que for seu retornará.

Desapego. Soltar, entregar e deixar ir. Deixar ir. Fluir. Viver no presente sem o peso do passado e sem expectativas do futuro. Saber que estamos aqui de passagem. Sem poses, sem medos e sem culpas.

deixe-ir-blog-da-sims

Beijinhos de luz

Deixar uma resposta

Proudly powered by WordPress | Theme: Baskerville 2 by Anders Noren.

Up ↑

%d bloggers like this: